DIABETES E OVOS: SIM OU NÃO?

diabetes e ovos

Diabetes e ovos | Benefícios | Colesterol | Café da manhã | Dados nutricionais | Visão geral | Recomendações | Fontes 

Diabetes e ovos: caso não queira ou não consiga ler este conteúdo, ele também pode ser ouvido em nosso site. Para isso clique aqui, ou use o tocador abaixo.

Os ovos são um alimento versátil e uma ótima fonte de proteína.

 

A Associação Americana de Diabetes considera os ovos uma excelente escolha para pessoas com diabetes. Isso ocorre principalmente porque um ovo grande contém cerca de meio grama de carboidratos, então acredita-se que ele não vá aumentar o açúcar no sangue.

 

Os ovos são ricos em colesterol, no entanto. Um ovo grande contém quase 200 mg de colesterol, mas se isso afeta negativamente ou não o corpo é discutível.

 

Monitorar seu colesterol é importante se você tem diabetes porque a diabetes é um fator de risco para doenças cardiovasculares.

 

Altos níveis de colesterol na corrente sanguínea também aumentam o risco de desenvolver doenças cardiovasculares. Mas a ingestão controlada de colesterol não tem um efeito tão profundo nos níveis sanguíneos como se pensava. Portanto, é importante que qualquer pessoa com diabetes esteja ciente e minimize outros riscos de doenças cardíacas.

 

Diabetes e ovos: benefícios dos ovos

Um ovo inteiro contém cerca de 7 gramas de proteína. Os ovos também são uma excelente fonte de potássio, que auxilia a saúde dos nervos e dos músculos. O potássio também ajuda a equilibrar os níveis de sódio no corpo, melhorando sua saúde cardiovascular.

 

Os ovos têm muitos nutrientes, como a luteína e a colina. A luteína protege contra algumas doenças, e a colina melhora a saúde do cérebro. As gemas contêm biotina, que é importante para o cabelo saudável, pele e unhas, bem como para a produção de insulina.

 

Ovos de galinhas caipiras são ricos em ômega-3, que são gorduras benéficas para pessoas com diabetes.

 

Os ovos ajudam no tamanho da cintura também. Um ovo grande tem apenas cerca de 75 calorias e 5 gramas de gordura – apenas 1,6 gramas de gordura saturada. Os ovos são versáteis e podem ser preparados de diferentes maneiras para se adequarem ao seu paladar.

 

Diabetes e ovos: estudos

Um estudo de 2018 sugere que comer ovos regularmente pode melhorar a glicemia em jejum em pessoas com pré-diabetes ou diabetes tipo 2. Os pesquisadores sugerem que comer um ovo por dia pode reduzir o risco de diabetes de uma pessoa.

 

Uma pesquisa de 2015 sugere que pessoas com pré-diabetes ou diabetes tipo 2 não experimentam uma mudança negativa no perfil lipídico depois de comer uma dieta rica em ovos.

 

Você pode melhorar ainda mais este alimento saudável, misturando tomate, espinafre ou outros vegetais.  Veja aqui outras sugestões de café da manhã para diabéticos.

 

Apesar de saudáveis, os ovos devem ser consumidos com moderação.

 

Diabetes e ovos: preocupações com o colesterol

Os ovos têm uma má reputação há anos, porque eram considerados muito ricos em colesterol para fazer parte de uma dieta saudável. Muita coisa mudou desde então. O papel do colesterol nos ovos no que se refere à contagem total de colesterol no sangue de uma pessoa parece ser menor do que se pensava anteriormente.

 

Histórico familiar pode ter muito mais a ver com os níveis de colesterol do que a quantidade de colesterol na dieta dos alimentos. A maior ameaça aos seus níveis de colesterol é a comida que é rica em gorduras trans e gorduras saturadas. Saiba mais sobre os efeitos do colesterol alto no seu corpo.

 

Os ovos ainda não devem ser consumidos em excesso se você tiver diabetes. As recomendações atuais sugerem que um indivíduo com diabetes  e problemas de colesterol, não deve consumir mais de 200 miligramas (mg) de colesterol por dia.

 

Diabetes e ovos: diabetes e colesterol

Alguém sem diabetes ou problemas de saúde cardíaca pode consumir até 300 mg por dia. Um ovo grande tem cerca de 186 mg de colesterol. Não há muito espaço para muito mais colesterol quando o ovo é ingerido, caso se sigam as recomendações.

 

Um estudo sugere que altos níveis de consumo de ovos podem aumentar o risco de desenvolver diabetes tipo 2 e doenças cardíacas. Embora a conexão não seja clara, os pesquisadores acreditam que a ingestão excessiva de colesterol, quando proveniente de alimentos de origem animal, pode aumentar esses riscos.

 

Como todo o colesterol está na gema, você pode comer claras sem se preocupar com como elas afetam o consumo diário de colesterol.

 

Tenha em mente, no entanto, que a gema é também onde estão alguns nutrientes chaves do ovo. Quase toda a vitamina A em um ovo, por exemplo, reside na gema. O mesmo acontece com a maior parte da colina, ômega-3 e cálcio em um ovo.

banner 3 passos para controlar a diabetes
Clique para saber mais

Diabetes e ovos:  e o café da manhã?

Se você tem diabetes, deve limitar o consumo de ovos a três por semana preferencialmente. Se você só come claras, pode se sentir confortável em comer mais.

 

Tenha cuidado, porém, sobre o que você come com seus ovos. Um ovo relativamente inofensivo e saudável pode ser um pouco menos saudável se for frito em manteiga ou em óleo de cozinha insalubre.

 

Preparar um ovo no micro-ondas demora apenas um minuto e não precisa de gordura adicional. Da mesma forma, não sirva ovos com bacon ou linguiça com alto teor de gordura e alto teor de sódio com muita frequência.

 

Um ovo cozido é um lanche de alta proteína se você tem diabetes. A proteína ajudará a mantê-lo satisfeito sem afetar seu nível de açúcar no sangue. Proteína não só retarda a digestão, mas também diminui a absorção de glicose. Isso é muito útil se você tem diabetes.

 

Se fizer ovos estrelados, as pessoas podem trocar o óleo de fritura por um que seja mais saudável para o coração, como milho, canola ou azeite de oliva.

 

Ter proteína magra em todas as refeições e lanches ocasionais é um passo inteligente para qualquer pessoa com diabetes.

 

Assim como você deve conhecer o conteúdo de carboidratos e açúcar de vários alimentos, você também deve prestar atenção aos níveis de colesterol e gorduras saturadas em sua comida.

 

Se isso significa trocar alguns ovos inteiros por claras de ovos ou uma proteína vegetal como o tofu, bem, isso é apenas uma maneira inteligente de aproveitar as proteínas e manter os riscos para a saúde no mínimo.

banner 3 passos para controlar a diabetes
3 passos para controlar a diabetes

 

Diabetes e ovos: dados nutricionais

Os ovos são um alimento nutricionalmente “denso”, o que significa que eles são ricos em nutrientes, mas baixos em calorias. Alimentos ricos em proteínas, incluindo ovos, podem fazer uma pessoa se sentir mais satisfeita. Isso pode ajudar as pessoas com diabetes a manter um peso saudável.

 

Os ovos são uma proteína completa, o que significa que eles contêm todos os nove aminoácidos que o corpo não pode produzir e que as pessoas precisam obter da sua dieta.

 

Um grande ovo cozido oferece o seguinte valor nutricional:

  • 6,25 gramas (g) de proteína
  • 4,74 g de gordura
  • 0,35 g de carboidrato
  • 72 calorias
  • sem fibra dietética

 

Enquanto a maior parte da proteína em um ovo vem da clara, a gema é embalada com gorduras saudáveis, vitaminas A, D, E e K, e antioxidantes, como a luteína. Os ovos também são fontes ricas de vitamina B-12 e minerais, como ferro, cobre e zinco.

 

Ainda outro constituinte dos ovos é a colina, que está envolvida nos processos do corpo, como memória e humor, e desempenha um papel crucial durante a gravidez no desenvolvimento do cérebro fetal.

 

Visão geral

Pessoas com diabetes podem incluir ovos como parte de uma dieta saudável. Pesquisas mostram que comer ovos com moderação não deve afetar negativamente o risco de doença cardíaca, e pode melhorar os níveis de glicose no sangue em jejum.

 

Pesquisadores ligaram a pressão arterial e o nível de açúcar no sangue ao colesterol, por isso é importante prestar atenção em como sua dieta pode afetar esses fatores. Ovos cozidos ou mexidos são opções saudáveis.

 

Visitas médicas regulares são uma obrigação para conhecer os seus riscos e condição atual e sempre que necessário fazer alterações na dieta e estilo de vida.

 

Recomendações

Para controle da diabetes através de uma alimentação saudável, dieta recomendada, receitas, livros gratuitos e outras publicações indicadas para diabéticos visite Produtos Recomendados neste site. Para saber mais, clique aqui.

 

Fontes:

banner 3 passos para controlar a diabetes
Clique para saber mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *