25 RAZÕES PARA O SOBE E DESCE DA GLICEMIA QUE VOCÊ NÃO IMAGINAVA!

montanha russa do sobe e desce da glicemia

Sobe e desce da glicemia: caso prefira ouvir este artigo em nosso podcast clique aqui, ou use o tocador abaixo.

 

Sabe aquela medição da glicose no sangue muito alta ou muito baixa que aparece “do nada” e você se pega pensando: “como isso aconteceu? Eu fiz tudo certo! Por quê?”

 

Bem isso acontece com todos os diabéticos.  Na verdade, não só com diabéticos.

 

Quer você tenha sido recentemente diagnosticado ou esteja convivendo com a diabetes há vários anos, provavelmente já passou por variações dos níveis de açúcar no sangue sem entender muito bem a sua causa.

 

Manter os níveis de açúcar no sangue controlados ajuda você a se manter energizado, focado e de bom humor. Além disso o controle da glicemia é fundamental para evitar as possíveis complicações do diabetes, como doenças renais, danos aos nervos, problemas de visão, derrame e doenças cardíacas, de acordo com o Instituto Nacional de Saúde.

 

De acordo com a Associação Americana de Diabetes – ADA planejamento alimentar eficaz, exercícios regulares e verificações regulares de açúcar no sangue podem ajudá-lo a manter os seus níveis dentro de uma faixa saudável.

 

A ADA recomenda tentar manter a glicemia entre 70 e 100 mg / dL antes das refeições e abaixo de 160 mg / dL duas horas após o início de uma refeição.

 

Além disso, a organização recomenda fazer um exame de hemoglobina glicada, que mede sua glicemia média nos últimos dois a três meses, pelo menos duas vezes por ano se seus níveis estiverem estáveis e estiverem dentro de suas metas de tratamento.

 

Hipo e hiperglicemias

Entender como situações diferentes podem causar variações do açúcar no sangue pode ajudá-lo a prever melhor como seus níveis irão variar.

 

Tanto níveis muito baixos, quanto os picos de açúcar no sangue podem levar a sérias consequências para a sua saúde.

 

O açúcar elevado no sangue pode causar náuseas, vômitos ou falta de ar, enquanto o açúcar baixo pode causar confusão, tontura, visão turva, convulsões, inconsciência ou até a morte.

 

Gerenciar os fatores que podem influenciar o açúcar no sangue é um ato de equilíbrio. Mesmo se você mantiver um controle cuidadoso sobre o que come e tomar sua medicações, inevitavelmente verá flutuações em seus níveis diários.

 

Afinal, alguns dos fatores que afetam sua glicemia estão fora de seu controle.

 

Mas isso não significa que você não pode evitar ou trabalhar esses fatores.

 

Apresentamos a seguir 25 fatos pouco conhecidos que podem causar oscilações de açúcar no sangue – e sugestões de como lidar com eles.

 

Esperamos que ajude! Paz e saúde!

 

Sobe e desce da glicemia: cafeína

O açúcar no sangue pode aumentar depois de você tomar um café – mesmo um café preto sem calorias – graças à cafeína. Isso vale também para o chá preto, chá verde e bebidas energéticas.

 

De acordo com a Clínica Mayo, consumir até 400 miligramas de cafeína por dia é seguro para a maioria das pessoas. Porém em diabéticos, a substância pode afetar o comportamento da insulina, o que pode levar a níveis baixos ou altos de açúcar no sangue.

 

Pesquisas sugerem que consumir muita cafeína pode fazer com que os níveis de açúcar no sangue aumentem em diabéticos.

 

Para tornar as coisas ainda mais confusas, um estudo diferente, publicado no Jornal da Pesquisa Clínica e Diagnóstica sugeriu que a ingestão de cafeína pode realmente melhorar a forma como o corpo gerencia o açúcar no sangue e reduzir o risco de complicações relacionadas com a diabetes.

 

Alguns diabéticos tipo 2 podem beber toda a cafeína que desejem, enquanto outras veem os seus níveis de açúcar no sangue subirem com apenas uma xícara de café.

 

Tudo o que você pode fazer é monitorar a glicose no sangue para observar como a cafeína o afeta.

 

Se você experimentar oscilações frequentes de açúcar no sangue e é um grande consumidor de bebidas com cafeína (que incluem refrigerantes diet, bem como café e chá), considere reduzir e verifique se o controle da glicemia melhora.

banner 3 passos para controlar a diabetes
3 Passos para Controlar a Diabetes

Aumenta a glicose: alimentos sem açúcar

Muitos alimentos sem açúcar aumentam a glicemia.

 

Por quê?

 

Eles podem ter muitos carboidratos provenientes de amidos.

 

É prudente verificar o total de carboidratos nas informações nutricionais antes de consumir esses produtos.

 

Você também deve prestar atenção aos álcoois de açúcar, como o sorbitol e o xilitol. Eles adicionam doçura com menos carboidratos do que o açúcar (sacarose), mas ainda podem aumentar sua glicemia.

 

Aumenta a glicose: comida chinesa

Quando você come um prato de carne com gergelim ou frango agridoce, não é apenas o arroz branco que pode causar problemas.

 

Alimentos ricos em gordura podem fazer com que o açúcar no sangue permaneça alto por mais tempo.

 

Isso vale também para pizzas, batata frita e outras guloseimas que contêm muitos carboidratos e gordura.

 

Verifique o açúcar no sangue cerca de 2 horas depois de comer para saber como um alimento com carboidratos e gordura afeta a sua glicose no sangue.

 

Aumenta a glicose: resfriado

O açúcar no sangue aumenta à medida que o corpo luta para combater as doenças.

 

Beba água e outros líquidos para se manter hidratado.

 

Consulte um médico se você tiver diarreia ou vômito por mais de 2 horas ou se estiver doente por 2 dias e não estiver melhorando.

 

Saiba que alguns medicamentos, como antibióticos e descongestionantes podem afetar o açúcar no sangue.

 

Aumenta a glicose: estresse no trabalho

Está infeliz no seu trabalho? Isso pode ter um preço inesperado.

 

Quando você está sob estresse, seu corpo libera hormônios como o cortisol que podem fazer o açúcar no sangue subir.

 

Aprender a relaxar com respiração profunda e exercícios, e tentar mudar as coisas que estão estressando você, se isso for possível, são os melhores “remédios”.

 

Aumenta a glicemia: bebidas esportivas

Elas são feitos para ajudá-lo a repor os líquidos rapidamente, mas algumas delas têm tanto açúcar quanto os refrigerantes.

 

Água pura é provavelmente tudo de que você precisa para um treino moderado de menos de uma hora.

 

Uma bebida esportiva pode ser boa para exercícios mais longos e intensos. Mas verifique primeiro se as calorias, carboidratos e minerais presentes são seguros para você.

banner 3 passos para controlar a diabetes
3 Passos para Controlar a Diabetes

Aumentam a glicemia: frutas secas

Frutas são uma escolha saudável, mas saiba que as versões desidratadas têm mais carboidratos mesmo que você consuma uma pequena porção.

Apenas 2 colheres de sopa de passas, tâmaras secas ou cerejas têm os mesmos carboidratos de um pedaço médios de frutas. Três tâmaras fornecem 15 gramas deles.

Aumentam a glicemia: esteroides e diuréticos

As pessoas tomam corticosteroides, como a prednisona, para tratar erupções cutâneas, artrite, asma e muitas outras doenças.

Mas eles podem aumentar o açúcar no sangue e podem até desencadear a diabetes em algumas pessoas.

Diuréticos que ajudam a hipertensão podem fazer o mesmo. Alguns antidepressivos também aumentam ou diminuem o açúcar no sangue.

efeito de esteroides na glicemia
Glicemia afetada por esteroides (dados reais de um paciente)
glicemia sem alterações por corticoides
Glicemia do paciente 3 dias antes do uso de corticoides

Sobe e desce da glicemia: outros medicamentos

Os descongestionantes com pseudoefedrina ou fenilefrina podem aumentar o açúcar no sangue.

Os remédios para resfriado às vezes também contêm um pouco de açúcar ou álcool, portanto, procure produtos que não tenham esses ingredientes.

Os anti-histamínicos raramente causam problemas no açúcar no sangue.

Outros medicamentos com ou sem receita que você toma para tratar problemas de saúde, além da diabetes, e que podem aumentar os níveis de açúcar no sangue incluem: os esteroides (usados para tratar doenças inflamatórias, doenças autoimunes e asma) e antibióticos para o combate de infecções bacterianas, que podem fazer com que o açúcar no sangue dispare dramaticamente.

Pílulas anticoncepcionais, certos antidepressivos e antipsicóticos, alguns diuréticos e descongestionantes nasais também podem causar números de glicose acima do normal, enquanto outros medicamentos podem reduzir o açúcar no sangue ou dificultar o reconhecimento de sinais de hipoglicemia.

Mesmo pastilhas para a tosse podem afetar a glicemia.

Certifique-se de que seus médicos estejam cientes de sua diabetes antes dele prescrever algum medicamento e consulte o farmacêutico antes de tomar qualquer novo medicamento não prescrito por um médico.

É recomendável saber se esses produtos interferem no controle da glicemia ou interagem com qualquer outro medicamento que você esteja tomando.

glicemia alta devido ao uso de antibióticos
Glicemia alta devido ao uso de antibióticos (dados reais de paciente)
glicemia normal sem uso de antibióticos
Glicemia normal sem uso de antibióticos 3 dias antes

Atenção com a glicemia: pílulas anticoncepcionais

Aquelas que contêm estrogênio podem afetar a maneira como o seu corpo lida com a insulina.

Ainda assim, os anticoncepcionais orais são seguros para mulheres com diabetes.

A Associação Americana de Diabetes sugere usar a pílula anticoncepcional combinada com norgestimato e estrogênio sintético.

A ADA também afirma que injeções de anticoncepcionais e implantes são seguros para mulheres com diabetes, embora ainda possam afetar os níveis de açúcar no sangue.

Diminui a glicemia: tarefas domésticas

Limpar a casa ou cortar a grama pode ter um bônus não previsto para pessoas com diabetes: redução do açúcar no sangue.

Muitas das tarefas que você faz todos os dias contam como atividade física moderada, e trazem muitas vantagens para a sua saúde.

Tente usar as escadas mais rotineiramente ou estacionar um pouco mais longe da entrada da loja.

Essas pequenas quantidades de exercícios se somam no controle de sua glicemia.

Diminui a glicemia: iogurte natural e kefir

Os alimentos que contêm bactérias saudáveis, como muitos tipos de iogurte e leites fermentados, são chamados de probióticos.

Eles podem melhorar a digestão e também podem ajudá-lo a controlar o açúcar no sangue.

Alguns iogurtes contêm açúcar e frutas adicionados, portanto, tome cuidado e conte os carboidratos.

As melhores escolhas são iogurte natural, light sem açúcar, leite fermentado e kefir.

banner 3 passos para controlar a diabetes
3 Passos para Controlar a Diabetes

Diminui a glicemia: dieta com muitos vegetais

Um estudo descobriu que pessoas com diabetes tipo 2 que mudaram para uma dieta baseada em vegetais tiveram um melhor controle de açúcar no sangue e precisaram de menos medicamentos e insulina.

Um aumento nas fibras de grãos inteiros e sementes diminui a velocidade da digestão dos carboidratos, evitando picos de açúcar no sangue.

Promissor: canela

Uma pitada deste tempero pode adicionar sabor sem adicionar sal, carboidratos ou calorias.

Alguns estudos sugerem que também pode ajudar o corpo a usar melhor a insulina e pode reduzir o açúcar no sangue em pessoas com diabetes tipo 2.

Mais pesquisas precisam ser feitas, pois ela pode funcionar para alguns, ao mesmo tempo que não funciona para outros.

Cabe notar que os suplementos e chás em grandes doses podem causar efeitos colaterais.

Portanto, é melhor ter certo cuidado, se for experimentar, e também conversar com seu médico antes de tentar canela em grandes quantidades.

Muita atenção: hipoglicemia noturna

O açúcar no sangue pode cair perigosamente durante o sono para alguns diabéticos, especialmente aqueles que usam insulina.

É melhor verificar seus níveis na hora de dormir e ao acordar. Um lanche antes de dormir pode ajudar caso a glicemia esteja muito baixa.

Uma opção muito prática e um pouco cara é usar um monitor contínuo de glicose no sangue, que tenha alarme para hipo e hiperglicemias.

25 RAZÕES PARA O SOBE E DESCE DA GLICEMIA QUE VOCÊ NÃO IMAGINAVA!
Hipoglicemia ente 2 e 5 horas da manhã aproximadamente (dados reais)
seguida por hiperglicemia ao despertar

Sobe e desce da glicemia: exercícios

A atividade física é um ótimo instrumento para melhoria da saúde.

Mas as pessoas com diabetes devem adaptá-los às suas necessidades individuais.

Quando você treina com intensidade suficiente para suar e aumentar os batimentos cardíacos, o açúcar no sangue pode primeiramente subir e depois cair.

Exercícios intensos ou de resistência podem diminuir o açúcar no sangue por várias horas depois.

Caso a glicemia esteja baixa ou mesmo normal, comer um lanche antes de começar pode ajudar.

Verifique o açúcar no sangue antes, durante e depois dos exercícios para saber como os exercícios afeta a sua glicemia.

glicemia antes e depois dos exercícios
banner 3 passos para controlar a diabetes
3 Passos para Controlar a Diabetes

Sobe e desce da glicemia: álcool

As bebidas alcoólicas contêm muitos carboidratos, portanto, primeiro, elas aumentam o açúcar no sangue.

 

Horas depois de beber, o açúcar no sangue pode cair. Se você for beber é melhor comer algo e verificar o açúcar no sangue na presença de sintomas de hipo ou hiperglicemia.

 

A Associação Britânica de Diabetes recomenda não mais do que um drinque por dia para mulheres e dois drinques para homens.

 

Um drink é equivalente a 150 ml de vinho, 350 ml de cerveja ou 45 ml de bebidas alcoólicas destiladas, como vodca ou uísque, por exemplo.

 

Sobe e desce da glicemia: calor

Sua glicemia estará mais controlada em um ambiente refrigerado ou fresco quando estiver muito calor ao ar livre.

 

O calor torna o controle do açúcar no sangue mais difícil.

 

É recomendável testar a glicemia e beber bastante água para evitar uma desidratação.

 

As altas temperaturas podem afetar também os medicamentos, o medidor de glicose e as tiras de teste também. Não é recomendado deixá-los dentro de um carro quente, por exemplo.

 

Sobe e desce da glicemia: hormônios femininos

Como se cólicas, inchaço e alterações de humor não fossem ruins o suficiente, as mudanças hormonais durante a fase pré-menstrual de uma mulher podem fazer com que seu açúcar no sangue fique alterado, de acordo com o Hospital Universitário da Mulher.

 

Embora o efeito varie de pessoa para pessoa, algumas diabéticas têm a sensibilidade à insulina reduzida na semana anterior ou durante a menstruação, o que pode se traduzir em níveis de açúcar acima do normal.

 

Se você notar que o açúcar no sangue está constantemente alto na semana anterior à menstruação, diminuir a quantidade de carboidratos que você ingere durante esse período ou fazer alguns exercícios extras são as melhores recomendações.

 

Se você estiver tomando insulina, converse com seu médico sobre a possibilidade de ajustar sua medicação neste período para compensar as alterações hormonais.

 

Manter um registro mensal dos níveis de glicose pode fornecer uma boa indicação de como seu ciclo menstrual afeta a sua glicemia.

 

As alterações hormonais durante a menopausa também podem dificultar o controle do açúcar no sangue.

 

Conversar com seu médico sobre se a terapia de reposição hormonal é uma boa ideia pode ser uma alternativa.

banner 3 passos para controlar a diabetes
3 Passos para Controlar a Diabetes

Quanto de açúcar o diabético deve evitar?

Se você adora doces, como eu, não se desespere. Você não tem que desistir deles para sempre.

O açúcar aumentará seus níveis glicêmicos mais rapidamente do que outros carboidratos, mas especialistas em diabetes dizem que a quantidade total de carboidratos é o mais importante.

Portanto, ao consumir porções pequenas (um docinho, uma meia fatia fina de pudim, …) o efeito será muito menor do aquela pizza, lasanha, pão ou arroz branco, já que as porções destes costumam ser bem maiores.

E na hora de calcular o total de carboidratos e calorias, as opções “não doces” apresentarão um número bem maior e maior capacidade de aumentarem a sua glicemia.

E quanto ao índice glicêmico?

O total diário de carboidratos, distribuído de forma adequada ao longo do dia, é um dos segredos para um bom controle do açúcar no sangue.

Algumas pessoas também usam o índice glicêmico (IG), uma classificação da velocidade com que os alimentos aumentam os níveis de açúcar no sangue para calcularem o quanto comer de cada vez.

Feijões, pães integrais e cereais têm um IG menor do que o pão branco e as massas. O suco tem um IG mais alto do que a fruta inteira.

Desejando muito uma comida de alto IG? Coma, moderando a porção, junto com uma escolha de baixo IG rica em fibras para ajudar a controlar seus números pós prandiais (após as refeições).

Aumento da glicemia: desidratação

A desidratação pode causar níveis elevados de açúcar no sangue?

Sim, e acontece que os dois estão mais relacionados do que você possa imaginar: a falta de líquidos pode levar à hiperglicemia, pois o açúcar em circulação fica mais concentrado.

Para piorar as coisas, o açúcar elevado no sangue pode fazer com que você urine mais, resultando em ainda mais desidratação.

Pessoas com diabetes devem estar especialmente atentas em beber muita água ou outras bebidas sem calorias ao longo do dia para se manterem hidratadas e saudáveis.

As metas de hidratação variam de acordo com fatores como sexo e idade, mas varia em torno de 2 litros para a maioria das pessoas.

Se você acha que água pura é “sem graça”, tente usar algumas fatias de frutas cítricas (laranja, lima, mexerica), ou frutas congeladas, ou fatias de pepino, ou ainda folhas frescas de hortelã.

Chás de ervas gelados e sem açúcar, com variedades de pêssego, hortelã, mate e outros também são muito refrescantes – e sem cafeína.

Sobe e desce da glicemia: adoçantes artificiais

Adoçantes artificiais podem alterar a resposta do açúcar no sangue

Muitas pessoas com diabetes procuram bebidas dietéticas (zero, diet, sem açúcar) como um substituto para refrigerantes ou sucos açucarados, porque presumem que bebidas sem açúcar não aumentam o açúcar no sangue.

Porém um estudo em janeiro de 2021 na revista Fronteiras da Nutrição demonstrou que adoçantes artificiais não são completamente “inocentes”, e podem contribuir para o desequilíbrio da glicose.

Porém a maioria das instituições médicas e governamentais ainda afirma que a maioria dos adoçantes artificiais não tem efeito sobre o açúcar no sangue.

Então, o que pode estar acontecendo? A Clínica Mayo sugere que as pessoas podem experimentar um “efeito rebote” ao consumirem adoçantes artificiais.

Elas consideram os alimentos sem açúcar saudáveis, e acabam consumindo quantidades excessivas ou comendo outros alimentos ricos em carboidratos porque acham que a bebida diet lhes permite.

Se você consome refrigerantes diet, light ou zero, a melhor recomendação é diminuir o consumo e ver como isso impacta a sua glicose.

Água, em vez de refrigerantes ou sucos, sempre será uma opção melhor.

banner 3 passos para controlar a diabetes

3 Passos para Controlar a Diabetes

Aumenta a glicemia: o ‘Fenômeno do Amanhecer’

Não é incomum um diabético acordar com uma leitura alta de açúcar no sangue, mesmo que seu número estivesse dentro da faixa recomendada quando ele foi para a cama.

fenômeno do amanhecer glicêmico
Glicemia alta ao acordar causada pela resistência à insulina (dados reais)

Você pode estar experimentando o “fenômeno do amanhecer“, que ocorre quando o corpo se prepara para acordar, liberando cortisol e outros hormônios, entre 2 e 8 horas da manhã, de acordo com a Clínica Mayo.

Esses hormônios tornam o corpo menos sensível à insulina e, em pessoas com diabetes, podem contribuir para um pico matinal de açúcar no sangue.

Alternativamente, você pode começar o dia com um baixo nível de glicose se, por exemplo, estiver tomando muita insulina ou muita medicação à noite ou não comer o suficiente pelo menos três horas antes de dormir.

Consumir um pequeno lanche, rico em proteínas e com baixo teor de carboidratos, na hora de dormir pode ajudar a diminuir o tempo em jejum (sem aumentar o açúcar no sangue à noite).

Se você notar uma tendência em suas leituras matinais, ou se elas variam muito de um dia para o outro, você deve relatar o caso ao seu médico para identificar o problema e tomar medidas para corrigi-lo.

Muita atenção: sono insuficiente

Noites agitadas prejudicam mais do que seu humor e energia – elas também podem significar problemas para o açúcar no sangue.

Uma estudo publicado na revista Terapia da Diabetes concluiu que a falta de sono pode prejudicar o controle da glicose e a sensibilidade à insulina em pessoas com diabetes.

O sono é restaurador e não dormir o suficiente se transforma em uma forma de estresse crônico e, sempre que se adiciona estresse, os níveis de açúcar no sangue sobem.

Infelizmente, as pessoas com diabetes comumente relatam problemas para dormir.

Aqueles com altos índices de massa corporal correm um risco particular de apneia do sono, na qual a respiração para durante o sono com frequência.

Para melhorar a qualidade e a duração do sono, esforce-se para adotar uma rotina de sono consistente, na qual você vá para a cama e acorde na mesma hora todos os dias.

Seu objetivo: dormir de sete a nove horas por noite, de acordo com as recomendações da Fundação Nacional do Sono.

Se você continuar a ter problemas de sono ou suspeitar de apneia do sono (talvez seu parceiro reclame de seu ronco?), consulte um especialista em medicina do sono.

banner 3 passos para controlar a diabetes
3 Passos para Controlar a Diabetes

Sobe e desce da glicemia: frio

Quando faz muito frio, isso pode interferir no controle da diabetes.

Isso ocorre porque as pessoas com diabetes variam na forma como seu corpo responde ao calor.

Alguns podem ver o nível de açúcar no sangue aumentar em dias realmente frios, porque as condições desagradáveis ​​adicionam um estresse extra em seu sistema; outros, particularmente aqueles que tomam insulina, podem experimentar o efeito oposto.

Além do mais, temperaturas muito baixas podem afetar a maneira como o corpo usa a insulina e, potencialmente, levar a oscilações de açúcar no sangue, de acordo com os Centros para Controle e Prevenção de Doenças.

Altos níveis constantes de açúcar podem afetar a capacidade do corpo de regular sua temperatura, ao mesmo tempo que faz com que o corpo perca líquidos mais rapidamente.

Isso pode aumentar ainda mais os níveis de açúcar no sangue, aumentando o risco de desidratação.

Tente ficar em casa durante a parte mais fria do dia e monitore de perto o açúcar no sangue.

Aumenta a glicemia: viajar

Ignorar alguns fusos horários durante um longo voo confunde quase todo mundo, mas é uma preocupação ainda maior para as pessoas com diabetes.

A mudança de horário pode atrapalhar sua programação de medicação e causar hábitos alimentares e de sono incomuns, que interferem no controle de açúcar no sangue.

Além disso, quando você está de férias ou viajando, pode comer mais, beber mais álcool ou ser mais ativo – tudo isso pode causar oscilações de açúcar no sangue.

Verificar o açúcar no sangue com mais frequência durante as viagens permite detectar quaisquer tendências preocupantes antes que se tornem problemas graves.

Tente comer algo a cada quatro horas ao longo do dia, mesmo que não possa ser exatamente nos mesmos horários que você costuma comer.

Se você usa insulina e mudou de fuso horário, certifique-se de fazer um cronograma prévio de medicação levando em conta a dosagem já aplicada e o novo horário.

Sobe e desce da glicemia: erros no teste de glicose no sangue

Se você não se lembrar de lavar as mãos antes de verificar o açúcar no sangue, pode se deparar com alarmes falsos.

Testar a glicemia após manusear alimentos pode produzir uma leitura equivocadamente alta porque os resíduos de açúcar na pele podem contaminar a amostra de sangue, segundo algumas pesquisas.

Se suas leituras de açúcar no sangue voltarem a ficar mais altas do que realmente são, você pode facilmente acabar tomando insulina em excesso, por exemplo.

O resultado: níveis de açúcar no sangue perigosamente baixos.

Os medidores de glicemia hoje em dia são altamente sensíveis e usam uma pequena amostra de sangue, o que significa que pode ser mais fácil eliminar a concentração de glicose na amostra.

Se você não conseguir lavar bem as mãos, pode melhorar a precisão do teste usando a segunda gota de sangue depois de limpar a primeira.

banner 3 passos para controlar a diabetes

3 Passos para Controlar a Diabetes

Recomendações

Para controle da diabetes através de uma alimentação saudável, dieta recomendada, receitas, livros gratuitos e outras publicações indicadas para diabéticos visite Produtos Recomendados em https://controledadiabetes.com.br/produtos-indicados/Clique aqui para saber mais.

Veja outros artigos como esse em https://controledadiabetes.com.br/.

Esperamos ter ajudado! Paz e saúde!

Fontes

banner 3 passos para controlar a diabetes

3 Passos para Controlar a Diabetes
Posted in A+

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *